/notícias o clube

Resultado Financeiro Conta Ordinária

1. Resultado Orçamentário biênio 2017/2018

Como pode ser verificado no quadro abaixo, o resultado da conta ordinária do biênio 2017/2018 foi deficitária em mais de R$ 400 mil. Só em 2018 foi de R$ 856.078 de déficit.

 

2. Disponilidades Conta Ordinária (Bancos Conta movimento e Caixa) 

Dentro deste contexto, o saldo das disponibilidades da Conta Ordinária do Clube foi entregue à nova gestão aquém das necessidades diárias do Clube, pois o déficit gerado no período 2017/2018 fez com que o disponível ao final de 2018 fechasse em apenas R$ 95.703. Vejam no quadro abaixo que em 31/12/2016 (início do biênio 2017/2018) o caixa do Clube era de R$ 384.595.

 

 

3. Shows e Eventos – 2018

Um dos principais motivos que impactaram negativamente no caixa do Ipê ao longo de 2018, foram os eventos e shows. Abaixo os principais:

 

a. Três shows no final do ano de 2018 gerando déficit de R$ 172 mil.

 

 

b. IPEFEST

Realizado em abril/18, com previsão de déficit de R$ 25.000, entretanto o valor real do déficit foi de R$ 66.287, ou seja, estouro de R$ 41.287 no orçamento. Cabe lembrar que houve a venda de apenas 3 ingressos de R$ 60,00. A maioria dos presentes foram convidados.

 

4. Contratação de Serviços

Outros gastos sem a devida contrapartida também impactaram negativamente o caixa do Clube. Podemos citar, como exemplo, a contratação de uma empresa para estudo visando redução de custos do Clube. Não foi avaliado pela antiga Gestão, o risco na contratação e implementação do projeto apresentado, o que gerou desembolso na ordem de R$ 120.000,00 sem ganho efetivo com a redução das respectivas despesas até o momento.

Não fossem os prejuízos destes dos exemplos acima (shows, eventos e contratação de empresa para estudo de redução de custos), o caixa do clube em 31/12/2018 seria de R$ 429.292 (R$ 95.703+172.302+120.000 + 41.287).

 

5. Despesas assumidas pela antiga Gestão em 2018 e pagas em janeiro/19

Se não bastasse o baixo nível de recursos para gerir o Clube a partir de janeiro/2019, a atual gestão se deparou com a necessidade de honrar compromissos que foram assumidos pelos antigos gestores, sem previsão orçamentária em 2019, no montante de R$ 96.647. A famosa “ pedalada” nas contas do Clube.

Se considerarmos essas despesas, podemos afirmar que o caixa entregue à nova gestão foi negativo em R$ 944 (R$ 96.647 – R$ 95.703).

 

6. Necessidade de aporte da Conta Patrimonial

Diante desse cenário, para que o Clube não incorresse em custos financeiros com a utilização da Conta Garantida, a atual administração solicitou e foi aprovado pelo Conselho Deliberativo em janeiro/19, um aporte de capital da Conta Patrimonial à Conta Ordinária no valor de R$ 361.000, com o compromisso de devolução desse recurso num prazo máximo de 2 anos.

 

7. Compromisso  

Não obstante as dificuldades encontradas nessas primeiras semanas de 2019, conseguimos fechar o orçamento de janeiro/2019 dentro da previsão para o mês. Isso só foi possível com a implantação de controles mais efetivos, como avaliação dos custos atuais e acompanhamento semanal do orçamento das diversas diretorias do Clube.

A Diretoria financeira reafirma o compromisso de zelar pelas contas do Clube, com acompanhamento mais efetivo do orçamento proposto, gastos com responsabilidade e transparência das informações.

 
 
 

Rua Ipê, 103 • Ibirapuera • São Paulo • SP • CEP 04022-005 • Tel. (11) 5574-7255
Copyright © • Todos os direitos reservados